P.S. em relação ao aeroporto

O mesmo vale para o referendo ao Tratado de Lisboa. Porque não dizer à cabeça que não se vai fazer por existir um compromisso internacional nesse sentido? Porque é que a primeira razão que se dá é puramente semântica? Mas será que os governantes acham todos que nós somos mesmo parvos?

Sem comentários: