Dias de nevoeiro

Gosto dos dias de nevoeiro profundo. Daquele de cortar à faca. Aquele nevoeiro que torna tudo fosco, irreal, com limites esbatidos e formas estranhas que só se definem completamente quando já estamos demasiado perto para ver o geral. O nevoeiro que torna a vida um sonho estranho em que não sabemos bem onde nos movemos. E gosto sobretudo das árvores nesses dias.

1 comentário:

Elsa disse...

Também gosto de dias assim :)

Fotografia linda!