Couves

Tema estúpido para um post, certo? Couves...
Mas acontece que, à muitos muitos anos, praticamente noutra vida, eu descobri na Dinamarca as couves de jardim, couves ornamentais.
Demorou muito tempo até as ver em Portugal. E nunca foram muitas. Portanto qual não foi o meu espanto quando vi um ardim feito com as belas das couves, na Foz, no fim-de-semana passado! Montes, resmas, paletes! A criar uma ondinhas no meio da relva!


Mas do que realmente gostei foi perceber que, apesar de ornamentais, não deixam nunca de ser couves! E quando chega a altura certa, emchem-se de espigos!!!

4 comentários:

pin girl disse...

Qual tema estúpido, qual quê, rapariga...!!!

Eu própria devo confessar a minha estupefacção com as couves ornamentais...como te percebo!

Adorei perceber que não estou só nesta coisa de me espantar com as couves ornamentais que povoam igualmente o jardim do meu local de trabalho...Ah, e como também já vi esse na Foz, pensei...'Afinal, a moda não chegou só à parvónia onde trabalho...também as há em plena cidade!!!'

E eu, que desconhecia a existência de tais couves em países como a Dinamarca e cidades como o nosso Porto, pensei que eram só um aproveitamento da horta da Câmara pela falta de fundos para a jardinagem...enfim, tontices minhas! ihihih

Obrigada pelo esclarecimento e pela visita ao meu blogue!!!
E parabéns pelo blogue...gosto muito!
:D

P.S.: também fico siderada com os espigos das couves, acredita...looooool!!!

myself disse...

A botânica é um mundo fascinante. Não conhecia as couves ornamentais, sempre a aprender

MauFeitio disse...

Minhas lindas, tenho de ir ver se desencanto nas minhas fotos da outra vida as famosas couves dinamarquesas... e, como são resistentes, arriscas-te a receber uma no teu aniversário Myself!

MauFeitio disse...

Pin girl, obrigada pela visita. Espero continuar a ver-te por aqui!