Eu odeio:

Aeroportos não novos.
Aeroportos com as paredes amarelecidas.
Aeroportos com os assentos de plástico com umas manchas francamente suspeitas.
Aeroportos feios, com poucas lojas, onde não há luz natural e o tempo teima em não passar.
Putos irrequietos que fazem tremer todas as cadeiras da fila porque batem insistentemente numa delas com uma garrafa de água.
Teenagers em viagem de grupo sentados atrás de nós na sala de embarque.
Cafés estupidamente caros e estupidamente maus. E infelizmente estes são os que quase sempre existem nos aeroportos.

Já sei que muita gente acha fantástico andar de um lado para o outro. E acho que os aeroportos são ponto de partida para viagens de sonho ou para férias. Para mim os aeroportos são uma chatice que me faz perder horas e horas e me faz doer das costas de andar com a mochila do computador às costas ao longo dos terminais. São um local onde não consigo trabalhar porque há sempre demasiado barulho. E porque normalmente são locais feios, tristes. Há dias em que estão cheios de gente interessante, bonita o que nos permite passar o tempo a pensar em como será a vida delas fora dali. Mas hoje vim numa low cost. Gente muito menos interessante. Backpackers com um ar ou cansado ou histérico. Gente que me cansa logo pela manhã.

Comentários

M disse…
Bem... numa tentativa de melhorar o teu dia digo-te: benvinda ao nosso rectângulozito natal!
Samsara disse…
Maufeitio no seu melhor!
Bjs.
MauFeitio disse…
Samsara, tenho de fazer jus ao blogue de vez em quando!
E obrigada M! Um dia por cá e, com os níveis de cafeína de regresso ao normal, o humor também já melhorou!
pin girl disse…
Antes do mais...welcome back! :)
Tens razão nas coisas que dizes, mas acho que tem muito a ver com o objectivo da viagem e com a nossa disposição.
Em geral e como nunca passo por aeroportos em trabalho, para mim são um sinónimo de férias e de coisas boas, por mais amarelecidas que sejam as paredes ou manchados que estejam os assentos!
:)
Mas percebo-te bem...;)
Beijinhos de bom regresso!