Os últimos dias foram feitos de...

caixas de cartão.
fita adesiva.
coisas de que decidi livrar-me.
elevadores avariados.
senhores das mudanças incansáveis e profissionais.
uma casa nova para arrumar.
uma casa nova arrumada.
louça para lavar.
as plantas a morrer de falta de atenção.
escapadas ao escritório porque as fiscalizações são cada vez mais idiotas e as crises não respeitam as férias.
coisas perdidas que encontramos.
incontáveis viagens ao papelão para pôr caixotes vazios.
amigos que aparecem para ajudar!
um mano com paciência para me aturar!

Faltam as fotos, eu sei. Mas ainda não consegui chegar aí.

Comentários

eMe-a-eMe disse…
visto daqui, parece-me uma boa maneira de começar o ano : )
boa sorte então.
MauFeitio disse…
Foi uma boa maneira de começar o ano! Mas agora que me apetecia ficar a disfrutar da casa, o trabalho aperta ;-(
M disse…
Viva a casa nova!
Virá tempo para se habituarem uma à outra e para se desfrutarem:))
MauFeitio disse…
Sim, vai demorar algum tempo. O facto de ter vários andares complica. O telemóvel está sempre num andar diferente quando toca. As chaves ficaram num casaco que está noutro lugar qualquer.