Safari #2

Luanda. Viana. Catete. Dondo. Quibala. Waco Kingo. Alto Hama. Huambo.
No dia do Heroi Nacional (Agostinho Neto) deixámos Luanda e o trânsito e as paletes de gente e os vendedores por todo o lado e fomos avançando para um lugar mais calmo, reino dos embomdeiros. Embomdeiros, embondeiros, mais embondeiros no meio da erva, altos, uns esbeltos outros atarracados mas lindos! Percebo agora o que sempre ouvi de ser uma terra fértil. Os mamoeiros crescem por todo, as bananeiras andam por aí, tudo tem aspecto de estar a crescer.
Seguem-se as fazendas. O que se topa são uns oasis no meio de vales e aqui a paisagem mudou e temos montes e bolas de granito. O que não é cultivado faz lembrar uma serra do Norte de Portugal um ano depois de um incêndio: erva e umas árvores aqui e ali.
E entretanto caiu a noite. E porque nós somos gente de sorte, as nuvens desapareceram e o céu ficou pejado de estrelas. Digam-me lá o que pode ser melhor que parar na berma da estrada, a beber um gin tónico e ver montes de estrelas? (Roam-se de inveja,. roam!!)
Pelo meio, muitas paragens técnicas. Para comer, para beber, para ajudar a malta que está com o carro a deitar fumo. Tudo regado a garalhadas ferozes: é que a infância da Shorty, do Pateta e do Donald (nomes de código mas quem os conhece reconhece) é fertil em histórias hilariantes e toda a gente está com o sentido de humor apurado por isso o nosso estado natural nas paragens é tudo dobrado pela cintura à gargalhada!
Seguimos para o Bié e vamos dormir a Menongue.

1 comentário:

amadeu disse...

Olá.Esta foi uma viagem que fiz várias vezes ( semanais ) aquando da minha recruta na EAMA em Nova Lisboa ( hoje cidade do Huambo). É fantástica e de uma beleza impar. Na Cela ( hoje Waco Kungo )podiamos comprar uns queijos e uma manteiga fantástica ( tinham uma fábrica )e depois seguíamos para o quartel. Nestas viagens, devem ter muito cuidado com a falta de combustível e muito em especial, com os acidentes.Façam uma ficha individual de cada um com os dados médicos e em especial, com o grupo sanguíneo de cada um, para em caso de emergência, saberem quem pode ajudar quem. Uma boa caixa de 1ªs socorros ( não esquecer um frasco de soro fisiológico e um de soro glicosadocom um sistema de perfusão ). E uma boa viagem. Amadeu