A caminhar pelo mato

Já perceberam que eu adoro sair de Luanda, não é?
Pois, mais uma viagem ao Cachito e tive o bónus de uma mini-caminhada por um carreiro estreito entre plantas de mandioca, com o dono da sanzala onde fomos comprar banana-ouro a cortar os ramos que impediam a passagem com a sua catana bem usada. E depois, bananeiras enormes e caminhar por ali a ver que cachos estavam prontos a cortar. E ainda sair de lá com um bónus de 2 canas de açúcar.
No regresso, paragem num mercado de beira de estrada. Mangas fantásticas a 400kwz cada doze, cebolas fantásticas, repolhos cheios, goiabas. Os 1200 kws que gastei no total valem uns 5000 em Luanda. E tudo muito mais fresco e cheiroso e com um ar delicioso.
Cheguei a Luanda revigorada apesar da viagem e do trabalho. Não há cansaço que resista ao verde luxuriante que me cercava ontem!

1 comentário:

SofiAlgarvia disse...

E a foto, para nós nos babarmos pelas mangas?!