Prendas de Natal

Eu sei que não é bonito gabarmo-nos das prendas que recebemos. Mas eu sou uma miúda com demasiada sorte e as prendas foram boas demais para não contar. Porque a verdade é que senti que foram todas escolhidas a dedo, prendas úteis ou exactamente o que eu queria, prendas transportáveis para Angola, que me fazem companhia ou que servem para traer o cheiro e o sabor de Portugal, prendas sobre crafts para aprender e me inspirar, prendas giras para alegrar o meu dia. Eu nunca tive o azar de receber muitas daquelas prendas que escondemos na primeira gaveta porque aquilo não serve para nada e ainda por cima é feio, mas este ano senti um cuidado ainda mais especial, um carinho enorme.
Muitas delas vieram comigo. Para me fazer lembrar que a amizade é uma coisa fantástica!

Sem comentários: