Duas semanas

Duas semanas de férias. Quero o costume. Horas sentadas em esplanadas da Foz, mimo da mãe, comida boa e cafés bem tirados, tempo para apreciar a casa e perceber que tudo está lá, à espera do dia em que eu regresse, matar saudades de mim, ver os meus livros e sentar-me no terraço, ver o verde que se espraia à minha frente na casa dos meus pais, tirar fotografias, andas (ó luxo, andar pela cidade!!!). Abrir embalagens e ir às compras (alguém sabe quem tem uma colecção decente de calças de tecido?), passear na FNAC e testar o meu mac novinho em folha. Pôr a conversa em dia com a minha mãe e o mano e provar os enchidos secos na lareira nova e o pão amassado pelas mãos dela.
Pensar na vida, tentar imaginar as voltas que ela pode dar (só para não me apanhar completamente desprevenida). Tentar pensar nas coisas que gosto em Luanda para me agarrar a elas quando tiver de regressar. Arrumar o que já vai de vez e dar-lhe o espaço certo em casa. Limpar os armários e dar tudo o que está por lá e já não uso. No fundo, como acho que daqui a um ano, o mais tardar, regresso de vez, quero começar a preparar esse dia.
Mas, mais que nada, despir durante 2 semanas a pele de engenheira e ser apenas a Sandra. A engenheira é um ser muito cansativo, stressada, sempre com a cabeça a mil. O Tico e o Teco andam de rastos e precisam de descanso e sopas quentes. E é mesmo isso que lhes vou dar.

2 comentários:

Ana e os Viraventos disse...

Boas férias Sandra,
um beijinho
Ana

Tobias disse...

Sim, boas férias! Aproveita para descansar, recarregar baterias, comer petiscos, aproveitar a casa!...
Bj