Natal e afins!

Uma boneca de 13 meses que sabe abrir presentes. Se não forem a bem, vai à dentada! E presentes fininhos não prestam!
Horas a fazer rabanadas deliciosas mas que, agora, estamos todos demasiado enjoados para comer. Daqui a alguns dias, as resistentes vão seguramente acabar no galinheiro.
Primas com bandoletes de rena. Primos que recebem gorros e ficam a parecer cachorrinhos fofos e se tornam no alvo favorito de gozo o resto da noite. Eu cá, recebi um gorro que me faz parecer a mulher de um oligarca russo. Adoro! Juro que vou usar porque me fica mesmo bem e não consigo pensar num chapéu mais adequado para a minha primeira ida ao São Carlos (que vai acontecer na primeira oportunidade).
O polvo frito não chegou à mesa. Ninguém manda a minha mãe fazê-lo tão saboroso :)
A prima quase mais nova revelou-se fracamente apta a polvilhar de açúcar as rabanadas. E divertiu-se tanto quanto nós a vê-la fazer!
O jantar foi cheio de gargalhadas!
E eu e o meu irmão... bom, pensamos igual! É que cada um de nós ofereceu ao outro exactamente o mesmo presente. Agora existem na família duas giratórias gigantes da Lego que vão dar muita luta e pedir muitas horas para montar! Somos uns gajos originais!
Espero que todos tenham tido um Natal tão bom como o nosso!

Sem comentários: