Mais uma noite mal dormida e desato aos gritos

Gostava de perceber porque diabo as noites bem dormidas, acordar fresca e feliz e cheia de raça se tornaram uma raridade nos últimos tempos. É que ando a ficar rabugenta, lenta e fartinha fartinha deste cansaço que não me larga.
Aceitam-se voluntários para me dar uma marretada na cabeça lá pelas 11 e meia da noite.

3 comentários:

Naná disse...

Bom soninho!

A privação de sono é terrível, rebenta connosco!

Rebeca disse...

É insônia ou um bebê que não a deixa dormir?

Libelinha disse...

Arrrrgggg! Esta semana passei pelo mesmo... 3 noites seguidas mal dormidas e já ninguém me aguentava de tão rabugenta que andava.
Já conseguiste uma boa noite de sono?