Os dias na minha aldeia

Esta semana estou de férias na minha aldeia. Por aqui apanham-se castanhas, diospiros, maçãs, couves, porros. Apanha-se ar fresco e dormem-se noites de 9 horas que o corpo pede. Os lábios rebentam com o ar puro e descobrem-se tesouros nas lojas da famíla (e alguns deles levam-se para a casa nova). Chateia-se o tio dizendo que lhe oferecemos uns borregos.
E, a cada dia que passa, mais me apetece trocar a minha vida por esta. Depois passa, é verdade. Mas às vezes apetece....

4 comentários:

Enjoy the Ride disse...

oooooh, queria tanto trocar contigo. :)

MauFeitio disse...

:) sim, sabe bem!

Rosário disse...

então e as fotografias dessas coisas todas?

MauFeitio disse...

Está dificil Rosário.... Não trouxe as máquinas para aqui (vem mesmo para trabalhar!!) e em Lisboa continuo sem net :(