Home sweet home

Andei os últimos a sentir-me meio sem casa. Ou a ter casa mas a morar noutro lado qualquer. Ou a ter uma quase casa porque aquele espaço pequeno, por mais confortável que fosse, sabia a pouco.
Para mim casa é o lugar onde tenho as coisas que fui juntando ao longo dos anos. Com calma, ao ritmo e paixões súbitas, de presentes que me foram dando, de escolhas que eram o mal menor. Mas acima de tudo, a minha casa é a minha história. A minha vida. O espaço que fui criando para mim.
E finalmente, depois de todo este tempo, sinto-me de novo em casa! Até me podem mandar para o estrangeiro de novo daqui a uns dias, mas por agora, estou bem. Confortável. Encantada com os espaços. É a minha casa, a minha cara, mas acaba por ter uma personalidade um bocadinho diferente.... não sei, o espaço em si influencia o que metemos lá dentro. São as coisas de sempre, mas neste espaço, simplesmente têm algo novo.
Está quase, quase pronta. Faltam uns quadros nas paredes e montar o quarto de hóspedes mas isso é tarefa para amanhã sem falta que  vai logo ser preciso para a primeira amiga que vai cá ficar! Já houve jantares e já se ficou até às tantas a matar garrafas de aguardente velha. E a vida parece que volta ao normal.
Mundo, estou em casa!

Casa Casa Casa Casa Casa Casa Casa

6 comentários:

J. disse...

que cosy :) esta linda!

Alexandra Macedo disse...

Gosto muito do chão, dos tectos e desse canto da cozinha!... Felicidades na nova casa : )

MJ disse...

oohhhhh obrigada :))))
parabéns, a tua casa é e está linda!
adoro o branco, a manta de crochet pousada no sofá e os tectos, mais um a vez os tectos!
beijinhos e que sejas feliz da tua casa!

Helena disse...

Não hajam dúvidas que as casas mais antigas com tectos trabalhados e chão de tábuas corridas dão logo um outro ambiente e a decoração está também muito acolhedora. Gosto! Parabéns e felicidades na nova home.

MauFeitio disse...

Obrigada a todas! Sm, acho que aqui vou ser feliz :)

Enjoy the Ride disse...

tão bom. :) estou há 3 anos e meio na mesma casa e ainda há tanto por fazer. aproveita bem o teu cantinho, não há nada como a nossa casa, decorada por nós, onde nos sentimos bem.