Dos dias lentos

Já saí do escritório. Estou oficialmente de férias.
Ainda pensei dar um salto a Londres que ando com fome de Europa. Mas nesta altura do ano, viajar, andar por cidades molhadas e frias... Nã.... Vou mesmo ficar por casa. Acordar tarde. Comer panquecas ao pequeno-almoço. Caminhar ao pé do rio. Passar as tardes agarrada à máquina que há projectos que já tardam em ver a luz do dia. Sair da máquina para a cozinha preparar o jantar para os convivas quando os houver ou sair para tomar chá com alguém. Passar a noite a ler. Pôr a conversa em dia. Ter tempo para mim.

1 comentário:

J. disse...

parece-me um optimo programa de férias :) que também servem para isso… dolce fare niente!