Semanas boas

Há semanas que valem a pena. O trabalho rende, decidimos e fazemos escolhas e tomamos posições que podem não ser consensuais ou fáceis de explicar mas isto não é a Suécia e discordar é possível. Tal como é possível aceitar e concordar com decisões difíceis ou menos lineares. Acontece. O que importa é chegar ao final do dia e estar de bem com a consciência. E eu estou. Sinto-me a mudar. A crescer. A aprender. A aceitar o que foi colocado nos meus ombros sem medos.
Depois, gente gira. Muita gente gira! A semana foi fértil. Novos, velhos, recentes, antigos. A sensação de estar bem e parece que à volta o mundo concorda com isso e decide sorrir.
E a percepção que muito disso depende de nós mesmos. De como nos vemos. Espero continuar a ver-me assim mais umas semanas. Pelo menos :)

Sem comentários: