Ao sabor da corrente

Uma roseta de cada vez

Comecei por comprar umas meadas. Porque sim. Porque gostei.
Depois pensei em transformá-las num colete. Mas achei que ia ficar demasiado colorido para o modelo que estava a pensar.
Depois vi este casaco e fiquei apaixonada.
Mas depois, e volta a trocar, achei que as rosetas davam a manta mai linda das redondezas.
E depois uma amiga disse que a queria! E cá estou eu, ao sabor da vontade, a fazer uma coisa que me dá muito gosto. Mortinha por ver o resultado final....

Sem comentários: