Viver devagar

Acho que ainda não vos falei da grande conquista dos 40... A tranquilidade. Deixei de sofrer por antecipação. Acho que vivo mais devagar, menos preocupada com o tempo. Provavelmente dando-lhe mais valor.
Hoje é domingo. O dia está lindo. Bom para não fazer nada. Ou talvez fazer coisas simples: sentar numa esplanada, a ler um livro, e a deixar o tempo passar.

Sem comentários: