Ora então recomecemos

As férias acabaram. Foram o que eu precisava. Tempo. Outros lugares. Outras línguas. Outras culturas. Ao mesmo tempo, e como dizia há uns tempos um amigo, a Europa é sempre a Europa e a verdade é que nunca deixo de me sentir em casa. Mas ao mesmo tempo, não é casa. Por isso, a certa altura, apetecia-me voltar.
A verdade é que estive quase um mês de férias. Leia-se, desde que saí do emprego. Foi tempo de pensar, dormir (acho que devia mesmo umas horas valentes à cama), andar, deixar os dias correr. Mas anos e anos de rotinas deixam marcas. E eu estava de férias a pensar que queria voltar para estabelecer as novas rotinas.
E foi isso que aconteceu hoje. Hoje é o primeiro dia do resto da minha vida. Organizar-me de forma diferente, começar a olhar para as coisas com um sistema diferente. Há CV para enviar, empregos para descobrir, coisas para tratar e resolver. Há pormenores que sempre negligenciei porque valores mais altos se levantavam. Mas, assim como assim, e já que estou a mudar de vida, também quero aproveitar para cozinhar coisas diferentes, experimentar mais na máquina de costura, caminhar com mais regularidade, trocar mais o carro pelo eléctrico. Porque é isto mesmo que eu sinto.... que esta é a altura certa para mudar e experimentar outras coisas. Nem melhores nem piores, simplesmente outras!

Sem comentários: