2015

P4285783

2015 foi, acima de tudo, o ano da decisão que nunca pensei que ia tomar. Até ao dia em que a tomei. 
Foi ano de voltar a viajar pelo puro prazer de viajar. Enfim, não tenho culpa de ter acontecido um terramoto na altura errada mas vi o Nepal de uma maneira muito única. Voltei a ver a Europa da qual tinha tantas saudades. 
Somei países ao mapa que não tenho na parede. 
Somei amigos. 
Reencontrei amigos. 
Percebi que tinha mais amigos do que julgava!
Passei semanas e semanas em que não fiz NADA!!! e percebi que precisava exactamente disso. 
Somei medos? Se calhar devia. Mas eu tenho uma estrelinha fantástica e o próximo emprego surgiu antes que eu tivesse tempo de entrar em pânico. 
Foi ano de perceber que há muita gente que me deseja muito bem. Ano de perceber que, apesar de ter saído do local de sempre, um pouco de mim continua lá, em cada uma das pessoas que me desejou boa sorte e com quem continuo a falar regularmente. Muito deles veio comigo. Percebi que conseguem continuar. Ninguém é insubstituível.
Despedi-me de uma casa e de uma cidade onde fui feliz. Lisboa ajudou-me a apurar o que quero da vida. Da minha vida. Agora vou procurar mais uma vez isso. Em Londres. até nisso tenho sorte: podia ser um emprego numa cidade qualquer, perdida algures na Europa. Não, é Londres, uma das cidades centro do mundo. Espero-vos lá. Sim, quando chegarem vou saber onde se bebe o melhor gin&tonic!
E por tudo isto, 2015 deixa saudades! Mas 2016 é um mundo novo que eu quero começar a viver!

Comentários

Isilda disse…
Votos de um 2016 repleto de bons momentos em Londres, e por aqui e ali por onde andares de férias ou em trabalho.
É bom ler os teus posts, sentir que vale a pena arriscar, que é possível ser feliz:-)
Beijinho
MauFeitio disse…
Obrigada Isilda! Excelente 2016 para ti também! Com riscos ou sem eles :)