Porque é que Londres é fácil

Bom, se calhar porque depois de Luanda e de Agadir, quase tudo é fácil. Mas não, é mais que isso. Além de a cidade ser linda, as pessoas correctas, há comida de todos os tipos e feitios, os transportes são do mais eficiente que já vi, há mais uma coisa importante: ouvem-se tantas línguas diferentes a cada passo na rua que não me sinto estrangeira. Sou apenas mais uma que fala de raiz outra coisa qualquer.
Depois, aquela coisa dos estrangeiros se unirem, também acontece aqui. Amigos de amigos são amigos numa cidade estrangeira. Claro que eu tenho ainda uma sorte adicional: amigos de amigos que são ingleses. E verdadeiramente simpáticos ao ponto de me juntarem às festas a que vão, permitindo-me assim uma coisa importante: acesso aos nativos!
Somem-lhe a sensação de que vou ser útil e vou fazer um bom trabalho, colegas simpáticos e o facto de a empresa ter mundo fora obras daquelas que me fazem os olhos brilhar!
Estou feliz! Muito feliz!

P.S. Estava aqui a pensar com os meus botões.... Bolas, eu gosto da minha vida! Gosto do passado, das aventuras que vivi, do presente e do futuro que antevejo!

2 comentários:

Isilda disse...

A felicidade dos outros também me faz feliz:-)
Beijinho

MauFeitio disse...

Obrigada Isilda!