Dos dias de primavera

A primavera vem com uma vontade de estar lá fora. Vem cheia de flores, de rosas no jardim, de instalações estranhas de flores no centro da cidade. Vem com tardes passadas nas mesas de fora dos pubs e almoços que não acabam no meu jardim. Acho que aprendemos mesmo a aproveitar os dias em que as nuvens vão embora e o sol brilha incondicionalmente. São dias bons. 

Sem comentários: